sexta-feira, janeiro 20, 2006

Até mais


Tudo passa em função do tempo, pessoas vão, pessoas vem, alguns ficam um pouco menos, outros um pouco mais, tantos outros que gostariamos que ficassem muito mais, acabam seguindo seus rumos, indo embora.

Aqueles ventos que trazem as pessoas, as levam também. É uma pena ter que se despedir, sobretudo daqueles que um dia nos cativaram, que conquistaram a simpatia, admiração e acima de tudo amizade.

Ah a vida, a nossa vida. Ela vai e vem, nos leva a rumos desconhecidos, um rumo que podemos chamar de futuro. O amanhã de todos nós. Ela é como uma estrada que seguimos, onde curtimos paisagens, trilhas. Onde cruzamos com algumas pessoas, alguns de braços abertos nos acolhem, outros simplesmente cruzaram nosso caminho.

Hoje você está partindo, pra viver uma nova sorte, mudar de cidade como outras vezes fez. Está partindo e ao mesmo tempo ficando, numa amizade que cultivamos na nossa juventude, nas lembranças de bons momentos e momentos ruins, afinal, a vida não é um mar de rosas. Nossas noites na balada, conversas no bar, um ombro amigo para chorar. Jamais esquecerei.

Felipe, boa sorte na vida meu amigo, você merece ser muito feliz. Jamais se esqueça que deixou um amigo aqui que além de sentir saudades, vai estar torcendo por você.

Ao invés de um adeus, vou dizer até mais. Como em tantas outras vezes.

2 comentários:

Felipe (a.k.a Lord) disse...

é com lagrimas no olhar que deixo aqui meu sincero agradecimento por tamanha consideração e amizade, sem medo de falar que choro e me emociono como criança ao ver sentimentos tão escassos hoje em dia, serem externados por uma pessoa de tão bom coração quanto você meu amigo.

sem palavras neste momento, arrisco apenas dizer: “Muito Obrigado!”.

Melise disse...

Felipe!! Desejo tudo de bom nessa nova fase...
Poxa... pior que nem deu tempo de a gente curtir mais as noitadas de Brasília, né?! hehe
Mas enfim, fico torcendo pra que dê tudo certo lá em BH!!
Um beijão e boa viagem! =)
Melise